Posts Tagged 'Esportes'

A culpa é sua, Michael

Sou estudante de publicidade. Sou criativo e descolado. Mas não por que quero. Nem por que meu pai me obrigou, muito pelo contrario. Simplesmente serei publicitário por não ser um fenômeno nos esportes. Apesar de ser mediano em vários, com eventuais momentos de lampejo, não vai dar pra viver disso.

Por isso o esporte agora é só paixão e diversão. E em algumas conversas com outros apaixonados, uma interessante questão é levantada: em quais esportes tivemos a oportunidade de assistir ao melhor atleta da história?

Na F1 vibrei na chuva com Senna, no tênis posso conferir as passadas de Federer, já passei tardes tranqüilas sentado assistindo a Tiger Woods humilhando seus adversários no golfe. No futebol, não vi Pelé mas vi Danilo. E no basquete vi o maior de todos, aquele que fazia do jogo uma brincadeira de criança, 6 vezes campeão da NBA, 5 vezes jogador mais valioso (MVP) da liga, maior media de pontos por jogo na carreira de um jogador da NBA (30,1), medalha de ouro em duas olimpíadas, enfim, a lista é enorme. Mas sou feliz, pois vi Michael Jordan. Sonhei em ser Michael Jordan. Impossível. Ninguém nunca será capaz de fazer o que ele fez. Ninguém. Ou não.

Agora é tarde, MJ. Só me resta escrever comerciais como esses.

Homenagem ao Pedro “Que beleza!” Telles, o Cospe-Letras

A primeira Gafe

Olimpíadas e todo e qualquer jogos que envolvam alguns muitos países são marcados por muitas gafes. No último Pan do Rio, nosso excelentíssimo senhor presidente Lula tomou uma vaia homérica de um Maracanã cheio, que fez com que a organização resolvesse quebrar o protocolo da cerimônia de abertura. Isso sem falar no campo de beisebol que mais parecia um brejo. Já em Atenas o caso do louco padre irlandês vencendo facilmente a segurança e conseguindo derrubar o nosso Vanderlei maratonista fechou os jogos com chave de ouro.

Esse ano a coisa não parece ser muito diferente. Faltando 4 meses pros jogos, a tocha não consegue passear pelo mundo sem manifestantes pegando no pé da coitada por causa de toda opressão chinesa quanto ao Tibete. A França inclusive já ameaça boicotar o evento por causa disso. E nessa manhã de domingo a organização resolveu colocar o Brasil no continente mãe África. Em meio ao sorteio dos grupos da competição futebolística de Pequim, a nossa bandeira ficou, digamos, um pouco diferente:


Imagine o que nos aguarda em Agosto.
Até a próxima.

A primeira Gafe

Olimpíadas e todo e qualquer jogos que envolvam alguns muitos países são marcados por muitas gafes. No último Pan do Rio, nosso excelentíssimo senhor presidente Lula tomou uma vaia homérica de um Maracanã cheio, que fez com que a organização resolvesse quebrar o protocolo da cerimônia de abertura. Isso sem falar no campo de beisebol que mais parecia um brejo. Já em Atenas o caso do louco padre irlandês vencendo facilmente a segurança e conseguindo derrubar o nosso Vanderlei maratonista fechou os jogos com chave de ouro.

Esse ano a coisa não parece ser muito diferente. Faltando 4 meses pros jogos, a tocha não consegue passear pelo mundo sem manifestantes pegando no pé da coitada por causa de toda opressão chinesa quanto ao Tibete. A França inclusive já ameaça boicotar o evento por causa disso. E nessa manhã de domingo a organização resolveu colocar o Brasil no continente mãe África. Em meio ao sorteio dos grupos da competição futebolística de Pequim, a nossa bandeira ficou, digamos, um pouco diferente:


Imagine o que nos aguarda em Agosto.
Até a próxima.


//twitter.do.caju

//twitter.do.hygino

//twitter.do.nico

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.tico

//twitter.do.michel

//naftalina