Posts Tagged 'Diversão'



Las Vegas

Las Vegas é uma cidade extremamente divertida. Não que eu já tenho ido pra lá. Mas na realidade não é preciso ir pra lá pra ter certeza disso. Os números dizem tudo. Las Vegas tem quase 0,5 máquinas de apostas por habitante. 37 campos de golfe. Se você quer se casar, gasta em média 35 dólares. Se todo seu neon fosse esticado, atingiria quase 25 mil km. Apesar de seus ínfimos 500 mil habitantes, a cidade recebe 36 milhões de turistas por ano. 36 milhões. Trinta e seis. Infelizmente, não vai ser esse ano que o número vai aumentar pra 36 milhões e um. Parece que vou ficar por aqui me smo. Quem pode, pode. Quem não pode, se sacode.
Mas existem sempre alternativas. Você de São Paulo pode, assim como eu, sentir um pouco de Las Vegas por uma noite.



Anúncios

Bad Hair Day

Estou deixando meu cabelo crescer. Tenho um projeto em parceria com o Hygino para deixar minhas madeixas ao melhor estilo Caleb Followill (foto). Mas enquanto o cabelo vai crescendo desfigurado e sem forma, passo pelos maiores apuros, pois ele tem vontade própria. Há dias em que ele acorda ao melhor estilo capacete – e olha que sou cabeçudo -, outros em que pareço um playmobil e ainda há aqueles – poucos dias, graças a Deus – que pareço uma calopsita. Sério.

Mas ainda bem que não sou o único a passar p
or isto. Além deste site – bem gay – que mostra algumas celebridades em seus piores dias, o site de música fanático por listas Gigwise promoveu um de seus mais engraçados índices até então: o “Top 33 Piores Cabelos de Músicos”.

Encontramos nesta lista os mais variados cabelos daqueles que querem sempre ser “os diferentes”. Músicos têm que sempre ser os malucões, os únicos, os inimitáveis que querem ser imitados por seus fãs. Confesso que neste último item já tentei deixar minha barba igual a de Serj Tankian, vocalista do System of a Down. (Detalhe: eu tinha 15 anos). Não deu muito certo.

Abaixo temos alguns exemplos destes belíssimos cabelos e o link para o site já foi citado. E fique feliz, pois o seu cabelo provavelmente não é o pior.

Twisted Sisters – um clássico

John Lydon, dos Sex Pistols – esse é punk.

Entrem no site e se divirtam com os outros cabelos.

Hasta!


Ragdoll Avalanche

Se existe algo em minha vida que contribuiu para a existência de um trauma fortíssimo, é sem duvida o fato de ter nascido sem super-poderes. O quão decepcionante não é acordar atrasado para a escola no dia da prova mais importante do ano e cair do sétimo andar depois de tentar sair voando pela janela. Ou ainda ter que amputar a perna congelada pelo frio polar depois de falhar nas tentativas de criar uma fogueira apenas com movimentos das mãos e a força da mente.

Mas em determinados momentos da vida, você atinge feitos que te fazem sentir super-poderoso. A aprovação no vestibular, aquele pega forte na balada de sábado a noite, o elogio do chefe. São apenas exemplos de momentos que fazem com que você se sinta “O Cara“.

Mas de que merda estou falando? Eu quero mesmo é voar, desviar de flechas super-velozes e sentir a adrenalina dos deuses!

Então vai, meu pequeno. Toma que o filho é teu.

Ragdoll Avalanche. O gráfico é péssimo. A idéia é bastante idiota. A diversão é certa.

Au revoir!

Nota mental: Preciso parar de dar tanta importância a joguinhos.

PBF Comics

A felicidade plena é, teoricamente, o objetivo-mor da vida de todo ser humano. Enquanto não atingem esta meta, os membros do povão se contentam com momentos de alegria fugaz. Mas nas horas de tristeza e depressão, parece impossível sair do buraco. Apenas três coisas no mundo são capazes de tirar-te imediatamente do abismo da negatividade: Bolo de cenoura com cobertura de chocolate, fazer um gol (mas as vezes fica difícil cabecear um cruzamento se você estiver, por exemplo, num elevador ou numa agência dos correios), e tirinhas de humor negro. Como a quitanda está fechada a essa hora e eu estou no elevador, eu ordeno: PBF Comics, venha até mim!

Simples como esta, lá você encontra muitas, mas muitas mesmo, todas com arte impecável, sarcasmo esplêndido e humor inteligente em tempos de analfabetismo.
Clique no tetragrama judáico que representa o nome de Deus para conferir!


Au revoir!

PBF Comics

A felicidade plena é, teoricamente, o objetivo-mor da vida de todo ser humano. Enquanto não atingem esta meta, os membros do povão se contentam com momentos de alegria fugaz. Mas nas horas de tristeza e depressão, parece impossível sair do buraco. Apenas três coisas no mundo são capazes de tirar-te imediatamente do abismo da negatividade: Bolo de cenoura com cobertura de chocolate, fazer um gol (mas as vezes fica difícil cabecear um cruzamento se você estiver, por exemplo, num elevador ou numa agência dos correios), e tirinhas de humor negro. Como a quitanda está fechada a essa hora e eu estou no elevador, eu ordeno: PBF Comics, venha até mim!

Simples como esta, lá você encontra muitas, mas muitas mesmo, todas com arte impecável, sarcasmo esplêndido e humor inteligente em tempos de analfabetismo.
Clique no tetragrama judáico que representa o nome de Deus para conferir!


Au revoir!

Powder Game

O ser humano, em todas suas atividades, mostra uma tendência aspiracional ao divino. Ele busca a onisciência ao criar programas como o Big Brother, a onipresença no desenvolvimento da internet e dos meios de comunicação e a onipotência quando, quando, quando o quê? Quando ouve Sidney Magal com uma rosa na boca?

Talvez.


Mas, caros leitores, esta busca chegou ao fim. O que seria de nós, se, em nossa existência efêmera, tivessemos controle sobre todos os elementos da natureza? Ou ainda melhor que isso, se tivessemos o controle apenas de elementos realmente divertido
s, como água, fogo, pólvora, “bolinhas-perereca”, C4 e afins?

Sonhar não é mais necessário. Powder Game existe.


As opções são muitas. A combinação delas é apenas restrita aos confins imaginativos do ser humano. A diversão ultrapassa os limites do plausível. As palavras não cabem.

Apenas aproveite.



//twitter.do.caju

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.hygino

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.nico

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.tico

//twitter.do.michel

//naftalina