Contra a maré

Muitos diretores consagrados do cinema foram, antes de serem laureados pela sétima arte, diretores de filmes publicitários. A lista de nomes é infindável e, como um funil ao contrário, cresce a cada ano que passa. Ridley Scott e seu irmão, Fernando Meirelles, Michel Gondry e tantos outros grandes diretores começaram suas carreiras produzindo e criando comerciais para a televisão.

Interessante mesmo é quando o inverso acontece, o que é muito raro, pois uma vez que estas pessoas ganham seu status na telona dizendo o que querem – ou não – por 1 hora e meia, fica díficil de você querer se expressar em 30 segundos, falando sobre um produto qualquer. Mas às vezes o improvável acontece. E nestas vezes, o resultado é bem legal.

Para divulgar o Festival Internacional de Cinema Dakino, que acontece na Romênia, Emir Kusturica (foto), um dos maiores, senão o maior gênio do cinema (e esta não é a minha simples opinião) resolveu fazer um anuncio parodiando o filme Matrix, tornando-o num filme “kusturicaniano”. Como todos os grandes diretores de cinema, o cineasta sérvio-iugoslavo-kosovense-montenegrino (depende do dia), possui certas marcas de autoria. Em seu caso, a presença de animais em cena, de seres exóticos, do universo cigano, um certo surrealismo e muita música são suas marcas. Neste pequeno comercial podemos vê-las e apreciar um grande cineasta (infelizmente muito mal reconhecido no Brasil) que nunca perde o tino para o negócio direção de cinema.

Hasta!

0 Responses to “Contra a maré”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




//twitter.do.caju

//twitter.do.hygino

//twitter.do.nico

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.tico

//twitter.do.michel

//naftalina


%d blogueiros gostam disto: