Serj Tankian

Já tinha deixado em posts antigos o quanto eu admiro este cantor, compositor, poeta e ativista político. Sem sombra de dúvidas, este libanês de raízes armênias e criado nos Estados Unidos é uma das pessoas que mais buscam melhorar o mundo. Sério. Com canções políticas e poéticas, Serj faz refletir toda uma geração de jovens (e adultos) adormecidos pela mídia americana, que os emburrecem cada vez mais, tornando-os passivos de qualquer ação que o governo faça que vá contra os direitos humanos. Quer uma prova que os americanos estão bem burros e adormecidos? Olhe este vídeo aqui.

Não vim para criticar os americanos, até porque gosto muito deles. Este post é destinado a falar de Serj Tankian, o monstro por trás da banda que considero a melhor de todos os tempos, o System of a Down. Este rapaz, além de fazer letras que criticam a posição que o país mais poderoso de todos tem tomado diante do resto mundo e possuir um selo que assiste bandas independentes, possui uma ONG com Tom Morello, do Rage Against The Machine, que busca ajudar os oprimidos do mundo inteiro de forma pacífica, conscientizando as pessoas para causas até então desconhecidas para o grande público.

Acredito que mais pessoas como ele seriam necessárias neste mundo, pois, infelizmente, existe mais gotas de óleo para sujar o mar do que imaginamos.

Rasgações de seda à parte, eu gostaria de comentar uma nova atitude que Serj Tankian tomou para a divulgação de seu primeiro cd-solo, “Elect The Dead” (baixe aqui), lançado em outubro passado. Munido de conhecimento que os novos geradores de conteúdo é a massa, Serj criou um erfil no Youtube e disponibilizou todosas músicas para qualquer pessoa que quisesse fazer um clipe com elas. Resultado: vários diretores inexpressivos, que não possuíam chance de entrar no mercado audiovisual, tiveram a oportunidade de ouro e produziram clipes para todas as músicas deste cd.

Ou seja, ao mesmo tempo que Serj Tankian deu uma chance para novos diretores, ganhou maior visibilidade com um clipe para todas suas novas músicas.

Medidas como a de Serj e a já famosa do Radiohead com seu álbum pode ditar um novo rumo para o falido mercado fonográfico. Mas eu prefiro a medida do primeiro, porque ainda dá a chance de novos talentos aparecerem.

Segue abaixo dois clipes que considero os mais bonitos desta iniciativa. O restante, inclusive os dois oficiais, estão aqui. O mundo realmente poderia ter mais pessoas como ele. Seria…melhor, quem sabe.

Hasta!

Anúncios

2 Responses to “Serj Tankian”


  1. 1 Caju 25/03/2008 às 8:25 PM

    nico… foto estourada de novo!

  2. 2 André Chaves 26/03/2008 às 5:40 PM

    eeaeee nico beleza? tempão que eu nao passo por aqui. tava lendo os seus textos e achei irado o do caixa-eletronico e a teoria do sinal vermelho. kkkkkkkkkkk guarde esta idéia para quando for fazer um comercial de carros ok? hehehehe
    eu que to precisando escrever alguma coisa no meu. tá parado há semanas hhehehe. mas é isso ae. sempre que posso passo por aki pra ler os seus e os de lucas. valeuuuuuu!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




//twitter.do.caju

//twitter.do.hygino

//twitter.do.nico

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.tico

//twitter.do.michel

//naftalina


%d blogueiros gostam disto: