Amy Winehouse


Saudações queridos leitores do MeraDoxa!
Eu, Tico, que se encontrava na maior preguiça do mundo de escrever venho aqui fazer a minha primeira postagem!

Falarei hoje de um assunto que discuti toda a semana! A breve porém agitadíssima vida artística de Amy Winehouse. Provavelmente, vocês já ouviram falar que Amy possui uma vida noturna agitada. Já deve ter visto uma foto ou outra do resultado dessas noitadas. Mas como foi que ela chegou aí? No fundo do poço?

Amy sempre gostou de cantar. Quando pequena, fez uma a dupla de hip hop com uma amiga chamada Sour&Sweet. Obviamente ela atendia pelo primeiro nome. Mais tarde, a cantora entrou em contato com cantoras dos anos 30/40 como Ella Fitzgerald e Billie Holliday, além de importantíssimos cantores como Ray Charles e Sam Cooke. Foi nessa época que decidiu que sua música seria o Soul. Amy lançou seu primeiro álbum, Frank, apenas na Inglaterra em 2005 e lá o sucesso foi gradativo. Com algumas músicas nas rádios, a carreira ia de vento em popa. Mas só a carreira. Agora entraremos no problema que faz de Amy o que ela é hoje. Nessa época Amy apenas namorava seu atual marido Blake Fielder-Civil, que na época a largou para voltar para a ex-namorada.

A cantora, que acreditava ser Blake o homem de sua vida ficou arrasada. Porém, ao invés de uma tragédia, da fossa em que entrou depois do ocorrido nasceu um dos discos mais interessantes do ano! O aclamado Back to Black, que possui letras cheias de mágoa e auto-reflexão. Com o sucesso internacional do álbum e a posição número 1 na Billboard por semanas com o single Rehab, adivinha só quem voltou? Ele mesmo! Blake Fielder-Civil, o chupim. Amy feliz e contente com tanto dinheiro entrando em sua conta e com o amor de sua vida ao seu lado fez o que qualquer um faria nessa posição! Foi pra festa!

O problema é que festa com o casal é em um outro nível. Amy disse à imprensa à pouco tempo que nessa época em que estava com Blake, os dois chegavam a gastar 500 LIBRAS por DIA com drogas e bebidas. Isso mesmo pessoal, 1682 reais no câmbio de hoje com muito pó, heroína e birita! Foi exatamente nessa época (por volta do meio do ano passado) que Amy Winehouse se tornou uma figura de escárnio por parte dos tablóides ingleses e americanos. Teve a história da briga de porrada com Blake na balada, a do show que ela fez sem dente por quebrá-lo no backstage quando caiu de bêbada e culminou no vídeo em que ela aparece tomando 6 comprimidos de tranqüilizantes e fumando crack numa nice. Nessa época chegou a ser feito um site para apostar quando Amy morreria.

Foi com o tal vídeo que chegou aos olhos de sua querida mãezinha inglesa que Amy teve de responder yes yes yes para a Rehab. Em Janeiro, Amy com a ajuda da família e da amiga Kelly Osbourne (pff) se internou em uma clínica de reabilitação. Em fevereiro indicada à 6 grammys, a cantora abocanhou 5 e fez uma performance por satélite se mostrando muito mais saudável e feliz. Blake, o destrutivo marido, foi preso em novembro por agressão e suborno à testemunha e está sob ameaça de prisão perpétua. Na prisão já sofreu uma overdose de algo que o bonitão pensou ser heroína. Amy pelo jeito tem seguido à vida, e já até foi vista de possível namorado novo. Um outro Blake! Dessa vez Blake Wood.
Apesar de toda essa auto-destruição mal-vista pela mídia, talvez seja por isso que Amy tenha conseguido toda a fama que conseguiu. Os cds vendem como água, 2 milhões e meio de cópias até agora. Há um tempo atrás recebeu 500.000 libras pra fazer apenas um show na França para a marca Louis Vuitton. É. Sexo, drogas e rock’n roll continuam pagando muito bem no showbusiness, mesmo que a música seja o mais profundo soul.


Anúncios

2 Responses to “Amy Winehouse”


  1. 1 Anonymous 08/08/2008 às 3:10 AM

    nao posso falar nada dela tambem uso…?

  2. 2 Anonymous 13/08/2008 às 4:05 PM

    Ela tem um único objetivo neste planeta: Ensinar como se faz música de verdade.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




//twitter.do.caju

//twitter.do.hygino

//twitter.do.nico

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.tico

//twitter.do.michel

//naftalina


%d blogueiros gostam disto: