A Arte do Origami e Outros Truques

Olá Mera Doxa, olá blogueiros, olá indies, mulatos, mamelucos, amarelos e verdes. Quem vos sauda é o último e mais bonito dos membros deste grupo de jovens que conquista internautas em todas as partes do mundo. Sim, TODAS AS PARTES DO MUNDO. Registramos visitas desde gélidos britânicos de Birmighanshire, passando por mestres cervejeiros de Bremen, até dançarinos astronautas em Fort Lauderdale, Florida. Como sabemos de tudo isso? Usamos e recomendamos a ferramenta para mensurar resultados de grandes sites ao redor do globo, o “Who’s Amung Us?”. Você, blogueiro, portaleiro ou e-comerciante, não pode deixar de conferir.

Falando em globalização e mensuração de resultados, minha estréia neste blog não tem nada a ver com nada disso. Tem a ver com a arte do origami e outros truques, como diz o título. “Ah, puta coisa chata! Eu odiava minha professora de artes, aquela gorda!”, pensam vocês. Calma, amiguinhos. Eu também odiava fazer barquinho, chapéuzinho, passarinho ou bandeirinha de papel. Mas que tal fazer esses e outros truques com algo muito mais interessante e flexível? Está sempre ao alcance de suas mãos. Não é difícil. Eu sei que você pode! É instintivo. É como se aos 6 anos, sem nunca ter feito aula de artes, você fosse capaz de reproduzir um submarino russo que solta mísseis usando uma folha A4. Vocês já devem saber do que eu estou falando. Sim, seu melhor amigo, seu pupílo, seu eterno companheiro de aventuras. Eu estou falando do seu pinto.

Visite www.dick-tricks.com e aprenda que aquele helicóptero que você usava para assustar sua irmã, ou para dar uma de zuão no sítio do seu amigo, não é nada perto do horizonte de possibilidades que sua genitália esconde. Mas cuidado, o Mera Doxa está aqui para te entreter, porém não se responsabiliza pela auto-flagelação de seus leitores, nem mesmo pelo extravio ou derretimento de pirocas alheias. O importante é resgatar velhos hábitos divertidos e deixar a repetitiva bronha um pouco de lado. Porque, como já diziam os Unidos do Caralho a 4, “A piroca é instrumento de trabalho! Quem gostou, gostou, quem não gostou, vai pro caralho!”.

Recomendações:
usem a Olympic Torch apenas em caso de emergência, mas use e abuse do Icebreaker, assim como eu.

Agradecimentos: André “Mojitos” Montilla, que repassou este tesouro para ser postado em nosso blog.

0 Responses to “A Arte do Origami e Outros Truques”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




//twitter.do.caju

//twitter.do.hygino

//twitter.do.nico

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

//twitter.do.tico

//twitter.do.michel

//naftalina


%d blogueiros gostam disto: